13

20:12




Eu sempre fui fascinado por esse número e pela força que ele carrega. Uma vez num programa de auditório da Record, uma bruxa disse que esse algarismo nenhuma ligação teria com a má sorte, no entanto, sua simbologia é contrária a isso e representa o recomeço. Em algumas filosofias e culturas, Jesus Cristo é o 13° apóstolo. Sabe-se que a morte é a décima carta do tarô. E Ophiuchus é o 13° signo do zodíaco, representado por serpentes e conhecido pelos ocultistas como Serpentário.

Segundo o numerólogo Yubertson Miranda, "o 13 é formado pelos números 1 e 3: o 1 simboliza coragem, iniciativa e disposição para correr riscos. Já o 3 representa a autoconfiança e o otimismo de acreditar no melhor da vida, além da reação de leveza e liberdade que acompanha essa atitude positiva perante os desafios. " 1+3 =4 e esse algarismo, em contrapartida, é conservador, prefere a originalidade e nem sempre está pronto às mudanças. 
Para os Maias, treze seriam os tons divinos que influenciavam as criaturas do mundo. Os cristãos, os mitos nórdicos e o folclore norueguês assolam o número treze de negatividade, fazendo alusões à má sorte, decepções e tragédias; na Cabala a numeração supracitada representa as sombras e as coisas ruins; a sexta-feira 13 e sua má fama é resultado dessas várias culturas que negativam o 13. Triscaidecafobia é o medo imensurável desse algarismo e parascavedecatriafobia é a fobia daqueles que possuem um medo incomum da sexta-feira 13. 
Dizem que Jesus Cristo foi morto numa sexta-feira 13 e algumas pessoas tatuam o número 13 para confrontar as maiorias; acho que, apesar do meu amor pelo 13, também sou uma dessas pessoas.

You Might Also Like

0 comentários

Sigam-me!

Postagens populares

Total de visualizações de página