Dourtor Tristeza

17:34


Augusto dos Anjos mescla entre as épocas do parnasianismo e simbolismo, contudo é considerado um autor pré-modernista. O único livro do escritor leva o título de “Eu” e traz consigo ideias modernas, termos científicos e a sua multiplicidade intelectual. O poeta se distingue dos outros de seu momento e apresentava fascínio pela morte. Fora conhecido conhecido como "Dr Tristeza" e "Poeta da Morte".



SONETO
  Ao meu primeiro filho nascido
morto com 7 meses incompletos.
2 fevereiro 1911.

Agregado infeliz de sangue e cal,
Fruto rubro de carne agonizante,
Filho da grande força fecundante
De minha brônzea trama neuronial,

Que poder embriológico fatal
Destruiu, com a sinergia de um gigante,
Em tua morfogênese de infante
A minha morfogênese ancestral?!

Porção de minha plásmica substância,
Em que lugar irás passar a infância,
Tragicamente anônimo, a feder?!

Ah! Possas tu dormir, feto esquecido,
Panteisticamente dissolvido
Na noumenalidade do NÃO SER!


You Might Also Like

0 comentários

Sigam-me!

Postagens populares

Total de visualizações de página